Evidências da Existência do Yôga Primitivo

Nada Nasce Já Clássico
 
Neste ponto, detectamos um erro gravíssimo cometido pela maior parte dos autores de livros e pelos professores de Yôga. Declaram eles com frequência que o Yôga mais antigo é o Yôga Clássico, do qual ter-se-iam originado os demais. É muito fácil provar que estão sofrendo de cegueira paragmática. Primeiramente, nada nasce já clássico. A música não surgiu como música clássica. Primeiramente surgiu a música primitiva, que precisou evoluir milhares de anos até conquistar o status de música clássica. A dança é outro exemplo eloquente. Nada nasce já clássico. E assim foi com o Yôga. Primeiramente, Pré-Clássico, pré-ariano, pré-vêdico, proto-histórico. Ele precisou se transformar durante milhares de anos para chegar a ser considerado clássico. Provado está que o Yôga Clássico não é o mais antigo, consequentemente não nasceram dele todos os demais- o Pré-Clássico, por exemplo, não nasceu dele.
 
Leia mais no livro Tratado de Yôga- DeRose
 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: