Abílio Pereira de Almeida

 
 

Biografia

Abílio Pereira de Almeida (São Paulo SP 1906 – idem 1977). Autor e produtor. Dramaturgo identificado com a alta burguesia paulistana, classe que retrata em tom satírico na maioria de suas criações de comédia de costumes. É o autor nacional mais montado pelo Teatro Brasileiro de Comédia.

Formado em direito pela Universidade de São Paulo, USP, participa como ator de montagens beneficentes deAlfredo Mesquita. Freqüentador da Livraria Jaraguá, é um dos fundadores do Grupo de Teatro Experimental, GTE, comandado por Mesquita, em 1943. Com essa equipe monta seu primeiro texto, Pif-Paf, em 1946, acumulando as funções de autor, diretor e ator. Essa experiência repete-se em 1948, na inauguração do Teatro Brasileiro de Comédia, TBC, com a montagem de seu texto A Mulher do Próximo. Como a anterior, essa peça enfoca os problemas do jogo e a desagregação dos costumes na alta burguesia.

Totalizando 688 itens documentais (550 textuais e 138 fotográficos), o público considerava suas peças espelhos dos descaminhos éticos da sociedade. Paiol velho (1951), que Alberto Cavalcanti transformou no filme Terra é sempre terra, Santa Marta Fabril S.A. (1955), Moral em concordata (1956) e Moeda corrente do país (1957), foram mais alguns de seus sucessos. Tragicamente morreu por suicídio, em São Paulo. 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: