Avignon, uma das mais belas cidades da França

é uma cidade do Sul de França que durante vários anos foi a residência dos Papas da Igreja Católica. Está situada na margem esquerda do rio Ródano, no departamento de Vaucluse, a cerca de 650 km a sudeste de Paris e a 80 km a noroeste de Marselha.

Palácio dos Papas, Avinhão

Habitada desde o tempo dos Celtas, é famosa por se ter convertido na residência dos Papas em 1309, quando se encontrava sob governo dos reis da Sicília pertencentes à casa de Anjou. Em 1348, o Papa Clemente VI adquiriu a cidade à rainha Joana I da Sicília e permaneceu como propriedade papal até 1791, quando foi incorporada no resto de França durante a Revolução Francesa.

Houve sete Papas que lá residiram entre 1309 e 1377:

Este período em que os Papas estabeleceram residência em Avinhão é conhecido como o Papado de Avinhão. Uma vez terminado este, começou em 1378 o Grande Cisma do Ocidente, com dois ou mais Papas simultaneamente em Avinhão e Roma, e que só seria ultrapassado em 1417.

Rio Ródano e cidade de Avignon vistos do TGV

Os Antipapas Clemente VII e Bento XIII continuaram a residir em Avinhão depois dos Papas terem regressado a Roma em 1377. Clemente VII permaneceu na cidade durante todo o seu pontificado 13781394 enquanto que Bento XIII viveu lá até à fuga para Aragão.

Avinhão era sede episcopal desde o ano 70, e foi convertida em Arcebispado em 1476. Foi sede de vários sínodos de menor importância. A sua universidade foi fundada pelo Papa Bonifácio VIII em 1303 e devido à reputação dos cursos de direito teve grande importância até à Revolução Francesa.

As muralhas da cidade, em bom estado de conservação, foram construídas pelos Papas imediatamente a seguir da mudança de residência para este lugar. O palácio papal, Palais des Papes, é um enorme edifício gótico com muros de 5 a 5,5 m de espessura, que foi construído entre 1335 e 1364. Depois de regressar a Roma a corte papal, foi utilizado como quartel e actualmente é um rico e muito visitado museu.

Outro ponto de interesse em Avinhão é a ponte sobre o rio Ródano, da qual só restam quatro arcos dos 22 que inicialmente tinha. A ponte, famosa por uma canção infantil francesa (Sur le pont d’Avignon) foi construída entre 1171 e 1185, com sucessivas reconstruções. Finalmente, depois de uma forte enchente do Ródano em 1660, a ponte ficou nas condições que apresenta actualmente.

A cidade é palco anual de um importante festival de teatro, realizado desde 1947.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: